Feeds:
Posts
Comentários

Posts Tagged ‘contação de história iinfantil;’

leitura para bebê

leitura para bebê

É com muita alegria e comprometimento que comemoramos em 02 de abril,o Dia Internacional do Livro Infantil.

A literatura infantil é a porta de entrada para um universo lúdico e cheio de possibilidades.

Cada criança que recebe o estímulo à leitura certamente será um jovem e adulto leitor, e todos nós sabemos dos muitos benefícios que o hábito de ler proporciona em diversos aspectos da vida humana.

Para divulgar a literatura e assim conquistar novos adeptos, foi instituído o Dia Internacional do Livro Infantil, celebrado a cada 2 de abril.Consta que a data foi escolhida para homenagear o escritor dinamarquês Hans Christian Andersen,que nasceu nessa data,por ser um dos mais importantes nomes da literatura infantil.

Ele não foi o primeiro a escrever para o público infantil, mas é considerado o primeiro autor a adaptar fábulas já existentes para uma linguagem mais adequada ao universo infantil. Foi dele a ideia de transmitir, por intermédio de antigas histórias, moral e valores, concepção que ainda não havia sido abordada por Charles Perrault, considerado o pai da literatura infantil, que organizou a primeira coletânea de contos infantis,no século XVII,na França e pelos Irmãos Grimm, que apenas adaptavam as histórias cujos finais não eram tão felizes.

No Brasil, nomes como Ana Maria Machado, Ruth Rocha, Pedro Bandeira, Tatiana Belinky, Lygia Bojunga, Ziraldo, entre tantos outros, há anos divulgam a literatura infantil, que por aqui é comemorada no dia 18 de abril, dia que marca o aniversário de nascimento do precursor do gênero no país, o escritor Monteiro Lobato,que não só produziu clássicos da literatura infantil, vide as histórias do Sítio do Picapau Amarelo, como também traduziu e adaptou clássicos mundiais, como Alice no País das Maravilhas, de Lewis Carroll, e Robin Hood, lenda inglesa recontada por muitos escritores.

Mais do que lembrar e celebrar a data, é fundamental que a literatura infantil seja divulgada, para que possa, então, tornar-se uma realidade na vida dos pequenos. Vale ressaltar que, além de permitir que as crianças explorem as inesgotáveis possibilidades que existem no mundo da imaginação, o hábito da leitura é fundamental para o aumento da proficiência da escrita e da própria leitura. Ler, além de ser divertido e prazeroso, é também fonte de conhecimento, e é através do conhecimento que uma sociedade crítica e pensante é construída.

“Quanto mais cedo as crianças tenham contato com os livros,melhor!Incentivar que nossos bebês participem de rodas de leitura,de contação de historinhas infantis ricamente escritas e ilustradas cria um vasto campo direcionado ao hábito de saber escutar a leitura, à familiarização com a linguagem escrita com seu ritmo e permanência e à exploração dos livros, possibilita a  sábia construção de seu repertório literário”,afirma a contadora de histórias infantis e vovó do Noah, Marly Cuesta.

Referências para atividades permanentes de leituras para bebês:

  • Literatura para bebês. Ana Araújo e Silva. Revista Pátio – Artmed – Ano VII – Nº 25 – Projeto Político-Pedagógico – Fevereiro à Abril 2003 – página 56
  • Andar entre livros – a leitura literária na escola. Teresa Colomer. Editora Global, São Paulo, 2007.
  • Aprender a ler e a escrever – uma proposta construtivista. Ana Teberosky e Teresa Colomer, editado pela Artmed em 2003.

 

Anúncios

Read Full Post »

%d blogueiros gostam disto: